Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Curso de Pedagogia promove Seminário sobre autismo na próxima segunda
Início do conteúdo da página
Pedagogia

Curso de Pedagogia promove Seminário sobre autismo na próxima segunda

Por Heloísa Cipriano | Supervisão: Samuel Lima | Publicado: Quarta, 06 de Dezembro de 2017, 15h32 | Última atualização em Quinta, 07 de Dezembro de 2017, 09h58

Na próxima segunda-feira (11), inicia-se o seminário "Síndrome do Espectro Autista: debates em foco", organizado pelo curso de Pedagogia do Câmpus de Palmas. Com início às 19h e término às 22h, o evento gratuito ocorrerá na sala 03 do Bloco III.

Aberto a toda a comunidade acadêmica, contará com apresentação de três Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC's) de acadêmicas do curso de Pedagogia, que serão apresentados e serão examinados pelos professores. Após a avaliação, será aberto espaço para a intervenção dos demais participantes do seminário, com presença externa da psicóloga e profissional da área, Letícia Bringel.

O seminário tem o objetivo de reunir os trabalhos dentro da importância nos estudos pedagógicos para o atendimento das pessoas com Síndrome do Espectro Autista.

Apresentações de Trabalho de Conclusão de Curso
Apresentação Horário Acadêmica Banca de avaliação
Autismo na Educação Infantil: propostas de intervenções educativas 19h Vanderlucia Castro Araújo

- Letícia de Sousa Bringel Faustino
- Rosilene Lagares

'O que fazer com essa criança?’: uma proposta de intervenção pedagógica em uma realidade autista 20h Maria Thamyres da Silva Lima

- Denise de Barros Capuzzo
- Rosilene Lagares

Autismo, inclusão e adaptação escolar no ensino regular a partir do método TEACCH 21h Tarciely Borges Galvão

- Venícios Cassiano Linden
- Angela Noleto da Silva

Para o coordenador do evento e professor do curso de Pedagogia do Câmpus de Palmas, Venicios Cassiano, discussões teóricas e metodológicas como as que ocorrerão no seminário são importantes para melhor atendimento às pessoas com Síndrome do Espectro Autista, "dado que a escola, por via das políticas de Educação Inclusiva e da lógica de educação para todos, advoga, impreterivelmente, para a permanência das pessoas com especificidades em sala de aula regular", pontua o professor.

Segundo Denise Capuzzo, que também coordena o evento e é professora do curso de Pedagogia, há a necessidade de que os professores conheçam os recursos ou métodos do Transtorno do Espectro Autista (TEA) para que, consequentemente, sejam utilizados com alunos portadores do transtorno, instaurando a efetiva inclusão na educação.

registrado em:
marcador(es): Palmas,pedagogia,Home
Fim do conteúdo da página