Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Cultura e Desenvolvimento

Desenvolvimento sustentável e economia criativa é tema de mesa-redonda nesta sexta

Por Lukas Ramos | Supervisão: Luana Nunes | Publicado: Quarta, 17 de Maio de 2017, 12h30 | Última atualização em Sexta, 19 de Maio de 2017, 11h46

O tema Desenvolvimento Sustentável Regional e Economia Criativa da Música será discutido em mesa-redonda nesta sexta-feira (19), às 19h, na Sala Sinhozinho. O evento é realizado por meio da parceria entre a Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários (Proex) e a Fundação Cultural de Palmas (FCP). Participarão da roda de conversa o professor da UFT, Waldecy Rodrigues, coordenador do curso de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional, Diego Brito, mestre em música, e Meire Maria Monteiro, produtora cultural e fotógrafa.

De acordo com a diretora de cultura, Sandra Rodrigues, a mesa tem como objetivo discutir sobre o suporte que Palmas oferece aos artistas regionais. Durante a conversa, os convidados conversarão sobre o desenvolvimento sustentável e identidade regional na produção cultural, a economia criativa da música popular e projeto “Palmas para o mundo”, iniciativa da FCP. 

Waldecy Rodrigues ressalta a importância da discussão da economia criativa no Tocantins, uma vez que é necessário compreender que os valores culturais são elementos do desenvolvimento do estado. “Discutir a economia criativa é de fundamental importância para se compreender os processos de desenvolvimento e reconhecer a cultura enquanto um recurso importante dentro dessa ótica econômica”, pontua. Rodrigues também menciona que deve-se valorizar a tradição tocantinense, que pode ser aproveitada para ajudar no avanço econômico e regional.

Após a mesa-redonda, haverá um show com o cantor Dorivã Borges, com o show “Passarim do Jalapão”, como parte da programação de shows do projeto “Palmas para o mundo”, que tem a finalidade de divulgar e valorizar a música tocantinense.

O evento é aberto ao público em geral, em especial para estudantes e artistas. As inscrições para a mesa-redonda são gratuitas e podem ser feitas no local, com direito a certificado de atividade de extensão. Mais informações pelo telefone (63) 3232-8036.

registrado em:
Fim do conteúdo da página